Palavra falada

From TSL Encyclopedia
Jump to navigation Jump to search
This page is a translated version of the page Spoken Word and the translation is 100% complete.
Other languages:
English • ‎español • ‎português
 
Parte de uma série de artigos sobre a
Ciência da
Palavra Falada



   Artigo principal   
Palavra falada



   Formas da Palavra falada   
Afirmação
Chamado
Canto
Decreto
Fiat
Invocação
Mantra
Oração



   Formas orientais   
AUM
Bhajan
Bija mantra
Mantra Dourado
Om mani padme hum



   Formas ocidentais   
Ave Maria
Rosário



   Rituais específicos   
Círculo de Luz de Mãe Maria
Décimo Quarto Rosário
Rosário do Arcanjo Miguel
Ritual da Chama da Ressurreição
Rosário de Cristal de Kuan Yin



   Assuntos relacionados   
Chama violeta
Decretos de chama violeta
Equilíbrio entre decretos de chama violeta e de chama azul
Pranayama
Exercício de respiração de Djwal Kul
 

A Palavra do SENHOR Deus, liberada nos fiats originais da criação. A liberação das energias da Palavra, ou do Logos, através do chakra da garganta, pelos Filhos de Deus, confirmando aquela Palavra perdida. Está escrito: “Pelas tuas palavras serás justificado, e pelas tuas palavras serás condenado”.[1] Quando homem e mulher reconsagram o chakra da garganta na afirmação da Palavra de Deus, eles se tornam os instrumentos dos mandamentos de Deus que cumprem a lei de sua recriação segundo a imagem do Filho.

Origens e uso

As invocações oferecidas pelos sacerdotes e sacerdotisas do fogo sagrado na Lemúria neste poder da Palavra falada foram originalmente feitas segundo a ciência do Logos. A perversão desta ciência na prática da magia negra ocorreu mais tarde, nos últimos dias da Lemúria, provocando a destruição dos templos da Virgem Cósmica e o cataclismo que afundou o continente. As imagens da Ilha de Páscoa são os restos, marcando o local das guerras dos deuses que sacudiram a terra naqueles dias terríveis. Por outro lado, essa ciência da Palavra falada foi usada em sua forma pura pelos israelitas para derrubar as muralhas de Jericó. Hoje, os discípulos usam o poder da Palavra em decretos, afirmações, orações e mantras para extrair a essência do fogo sagrado da Presença do EU SOU, do Cristo Pessoal e dos seres cósmicos para canalizar a luz de Deus em matrizes de transmutação e transformação para mudanças construtivas nos planos da Matéria.

A ciência da Palavra falada (juntamente com a do conceito imaculado) é o ingrediente essencial e crucial em toda a alquimia. Sem a Palavra falada, não existe alquimia, criação, mudança ou intercâmbio em qualquer parte da Vida. Ela é a pedra branca do alquimista que, quando usada com sucesso pelos segredos da chama do coração, revela o “novo nome escrito, que ninguém conhece salvo aquele que o recebe”. Bem-aventurado aquele que vence a oposição da mente carnal ao exercício - a prática que aperfeiçoa - a ciência da Palavra falada na oferta diária de decretos dinâmicos ao Senhor, pois a ele o Espírito Santo “dará para comer do maná escondido.”[2]

O mestre da era de Aquário, Saint Germain, ensina os seus discípulos a invocar pelo poder da Palavra falada a chama violeta para perdão dos pecados e para o batismo no fogo sagrado, em preparação para a transição para a Consciência Mais Elevada de Deus.

Formas da Palavra falada

Afirmação

Afirmação de que algo existe ou é verdadeiro; confirmação ou ratificação da verdade; declaração solene. Uma declaração positiva, geralmente começando com o nome de Deus, “EU SOU”, que afirma e fortalece as qualidades de Deus dentro de si, ajudando a trazer essas qualidades à manifestação física. Afirmações são fiats que podem ser mais longos e com detalhes mais específicos. Elas afirmam a ação da Verdade no homem - em seu ser, consciência e mundo. Elas são usadas alternadamente com negações da realidade do mal em todas as suas formas. Da mesma forma, elas afirmam o poder da Verdade que desafia as atividades dos caídos.

Chamado

s. uma demanda, reivindicação, solicitação ou comando para vir ou estar presente; um exemplo de pedido de algo; ato de convocar o Senhor, ou do Senhor convocando a sua prole. “Mas chamou o Senhor Deus ao homem, e lhe perguntou: Onde estás?” (Gn 3:9) “Do Egito chamei o meu filho!” (Mt 2:15)

Chamar: v. falar em voz alta ou distinta, de modo a ser ouvido à distância; chamar de volta da morte ou do plano astral, p. ex., “Lázaro, vem para fora!”; proferir em voz alta ou distinta; para anunciar ou ler em voz alta ou com autoridade.

O chamado é a forma mais direta de comunicação entre o homem e Deus, e entre Deus e o homem, frequentemente usada numa emergência; p. ex. Ó Deus, ajuda-me! Arcanjo Miguel, assume o comando!

O moto do iniciado é “O chamado compele a resposta”. “Ele me invocará e eu lhe responderei.” (Sl 91:15) “Eles clamavam, ao Senhor, e ele os ouvia.” (Sl 99:6)

Canto

Uma melodia curta e simples, especialmente caracterizada por notas únicas nas quais um número indefinido de sílabas é entoado, usado no canto de salmos, cânticos etc. no serviço da igreja. Tanto no Oriente quanto no Ocidente, o nome de Deus é cantado repetidamente no ritual da expiação, pelo qual a alma do homem se torna uma com o Espírito de Deus pela entonação do som do Seu nome. Isso é feito em sânscrito como AUM ou AUM TAT SAT AUM e em inglês como EU SOU O QUE EU SOU.

Ao soar o nome de Deus ou o de um membro das hostes celestiais, a vibração do ser é simulada e, assim, o próprio Ser é atraído para aquele que canta. Portanto, quando utilizados corretamente, os cânticos magnetizam a Presença, seja universal ou individualizada, da Consciência Divina.

Decreto

Artígo principal: Decreto

s. uma vontade de pré-ordenação, um édito ou fiat, uma decisão autorizada, declaração, uma lei, ordenança ou regra religiosa; um comando ou mandamento.

v. decidir, declarar, determinar ou mandar; ordenar, comandar ou impor; invocar a presença de Deus, de sua luz, energia, consciência, poder e proteção, pureza e perfeição.

O decreto é a forma mais poderosa de todos os pedidos à Divindade. É o comando do filho ou filha de Deus feito em nome da Presença do EU SOU e do Cristo para que a vontade do Todo-Poderoso se manifeste embaixo como no alto. É o meio pelo qual o reino de Deus se torna realidade aqui e agora através do poder da Palavra falada. Ele pode ser curto ou longo, e geralmente é marcado por um preâmbulo formal e um selamento ou aceitação.

Fiat

Decreto autoritário, sanção, ordem; pronunciamento; breve invocação ou decreto dinâmico, geralmente usando o nome de Deus, EU SOU, como as primeiras palavras do fiat, por exemplo, EU SOU o Caminho! EU SOU a Verdade! EU SOU a Ressureição e a Vida! Os fiats são sempre exclamações do poder, da sabedoria e do amor do Cristo conscientemente afirmados e aceitos aqui e agora.

Invocação

Ato de invocar ou chamar uma divindade, espírito etc. para obter ajuda, proteção, inspiração ou algo semelhante; súplica; qualquer petição ou súplica por ajuda ou socorro; forma de oração invocando a presença de Deus, usada especialmente no início de uma cerimônia pública; um chamado a Deus ou aos seres que se tornaram um com Deus para liberar poder, sabedoria e amor para a humanidade ou para interceder em prol dela; súplica para que o fluxo de luz, energia, paz e harmonia se manifeste na Terra como no céu.

Mantra

Fórmula ou invocação mística; palavra ou fórmula, geralmente em sânscrito, que é recitada ou entoada para intensificar a ação do Espírito de Deus no homem. Forma de oração que consiste em uma palavra ou grupo de palavras entoadas repetidamente, a fim de magnetizar certo aspecto da Divindade ou de um ser que realizou este aspecto da Divindade.

Oração

Uma petição devota a, ou qualquer forma de comunhão espiritual com Deus ou um objeto de adoração; uma comunhão espiritual com Deus ou um objeto de adoração, como em súplica, ação de graças, adoração ou confissão; uma fórmula ou sequência de palavras usadas ou designadas para orar: a oração do Senhor; uma petição, súplica.

Para mais informações

Mark L. Prophet e Elizabeth Clare Prophet, A Ciência da Palavra Falada

Mark L. Prophet e Elizabeth Clare Prophet, Prayer and Meditation (Oração e Meditação)

Mark L. Prophet e Elizabeth Clare Prophet, Orações, Meditações e Decretos Dinâmicos para a Revolução Vindoura na Consciência mais Elevada

Mark L. Prophet e Elizabeth Clare Prophet, A Ciência da Palavra Falada: Por Que e Como Decretar de Forma Efetiva (gravação em áudio)

Fontes

Mark L. Prophet e Elizabeth Clare Prophet, Saint Germain On Alchemy (A Alquimia de Saint Germain).

  1. Mt 12:37.
  2. Ap 2:17.