Alfas

From TSL Encyclopedia
Jump to navigation Jump to search
This page is a translated version of the page Alphas and the translation is 100% complete.
Other languages:
English • ‎español • ‎português • ‎русский

Para Alfas, a sua maior missão e vocação e maior honra é ser o porteiro do Retiro do Royal Teton. Esse magnífico retiro é o retiro principal da Grande Fraternidade Branca, no continente norte-americano. Milhares de correntes de vida, vindas de todos os continentes, viajam para ali, à noite, enquanto seus corpos dormem. Alfas é um ponto de referência para todos que se dirigem ao retiro, pois a sua função é saudar os que chegam. Quando o vemos, sabemos que chegamos ao nosso destino.

O Arcanjo Zadkiel refere-se da seguinte forma à função que Alfas desempenha:

O amado Alfas abre a porta agora e está pronto para receber cada um. Amados corações, quando fordes dormir, precisais apenas fazer o chamado para entrardes no invólucro do corpo etérico e na mente do Cristo, e para receberdes os anjos da guarda. Possais vós reter tudo na Mente Superior e que o Cristo Pessoal vos transmita as orientações e o conhecimento específicos, relativos às decisões que precisareis tomar, nas horas e dias vindouros.[1]

Ao servir no seu posto, Alfas também ilustra um ponto importante da lei espiritual, relacionado ao serviço prestado aos mestres. Ao manter a posição para a qual foi designado, ou o seu lugar na hierarquia, e desempenhando-o adequadamente, mesmo que seja uma posição ou cargo humilde, o indivíduo cumpre a sua parte no plano de Deus, e mantém o seu lugar na cadeia da hierarquia. Se o ponto não for dado, perde-se a laçada. Mantendo a posição para a qual foi designada, a pessoa prepara-se para o ponto seguinte da senda da iniciação.

Devemos alegrar-nos com a posição que ocupamos e desempenhá-la adequadamente. À medida que alcançamos a excelência num ponto focal – seja este um trabalho no mundo, dentro de casa, como pai, mãe ou professor, descobrimos que os mestres nos dão os testes de que necessitamos na vida.

Em Washington, D.C. (EUA ), na véspera do Ano Novo de 1963, ao final do pronunciamento de fim de ano de Gautama Buda, Alfas fez um discurso, no qual disse:

Eu, Alfas, senhor da entrada para esta sessão no Grand Teton, declaro que este vislumbre das Cordilheiras do Grande Teton está vedado aos homens mortais nesta ocasião. A pedido do Conselho, sereis bem-vindos, nesta noite, não na vossa forma física, mas nos vossos corpos sutis. O pedido do Senhor Gautama é que a paz que ele trouxe em nome do Cristo ressurreto vos envolva durante toda a noite. Em nome dos amados Alfa e Ômega, eu, Alfas, como guardião desta entrada, trago-vos o meu amor nesta noite.

Fontes

Mark L. Prophet e Elizabeth Clare Prophet, Os Mestres e os seus retiros, s.v. “Alfas.”

  1. Arcanjo Zadkiel, “An Hour of Great Need in the Planetary Body (Uma Hora de Grande Necessidade no Corpo Planetário)”, Pérolas de Sabedoria, vol. 27, n° 46A, 19 de setembro de 1984.