Anjo da Ressurreição

From TSL Encyclopedia
Jump to navigation Jump to search
This page is a translated version of the page Angel of the Resurrection and the translation is 100% complete.
Other languages:
English • ‎español • ‎português • ‎русский
As santas mulheres no sepulcro, Peter Paul Rubens

O Anjo da Ressurreição integra as hostes de anjos da ressurreição que “se ocupam da vitória das almas que estão ascendendo ao fogo sagrado de Deus!” Em 1977, este anjo poderoso falou sobre a sua missão:

Os anjos da ressurreição receberam do SENHOR Deus a atribuição de permanecer com os filhos e as filhas que aceleram a consciência invocando os fogos sagrados do coração, aumentando e acelerando no coração a luz do Pai, do Filho e do Espírito Santo, por meio do Magneto do Grande Sol Central.

Fomos nós os anjos que permaneceram à cabeceira e aos pés do corpo de Cristo, no sepulcro, cuidando daquele corpo precioso, como cuidadores da vida. Eu fui o anjo que anunciou a Madalena: ‘Ele não está aqui; já ressurgiu. Vem ver o lugar onde ele jazia.’[1]

A alegria da ressurreição é a que conservamos no nosso coração, enquanto mantivemos o campo de força de Alfa e Ômega para o filho de Deus que conquistou a oportunidade de passar pela iniciação da ressurreição. Pelos fogos do coração e dos centros sagrados, esse filho é capaz de invocar e magnetizar um momentum acelerado do fogo da ressurreição, ativando células e átomos de maneira coordenada, de chakra em chakra, num movimento esférico que tem início no coração e, em sentido horário, se estende aos chakras que estão acima e abaixo dele, até que todo o campo de força se torne um sol de luz que gira.

A aceleração é, então, sustentada pela consciência do filho de Deus, que está fora do templo físico, pairando sobre aquela forma inanimada – essa consciência magnetiza um momentum sempre maior de luz da Presença do EU SOU, até que, uma vez mais, é captado da Presença todo o momentum da chama trina, que é ancorado novamente no veículo físico, restaurando a vida naquele que estava morto.

Esse é o meio usado para se alcançar a vitória. É a iniciação vivida pelos filhos e filhas de Deus que vão ao Templo da Ressurreição, situado sobre a Terra Santa, e que também são recebidos em Luxor, por Serápis Bey. Essa é a iniciação conduzida na Grande Pirâmide, na contrapartida etérica.

O Anjo da Ressurreição diz:

Coloquei os pés sobre o sepulcro no qual ele jazia. Coloquei os pés sobre a pedra. Coloquei as mãos sobre a pedra. Vi a sua forma sem vida e vi-o erguer-se. Vi-o cruzar a porta aberta, vi a chama trina ser restaurada, a luz começar a pulsar e a forma ser preenchida com vida. Sou uma testemunha daquele evento que há dois mil anos é questionado. Esta é a vitória que foi e é para todos. Nós vos ensinaremos a acelerar o fogo da ressurreição e, para vós, seremos guardiães, amigos e servos.[2]

A chama da ressurreição é um complemento poderoso da cura. Ela pode ser invocada para ressuscitar não apenas os quatro corpos inferiores, mas, também a alma e o espírito da humanidade, das nações e até mesmo do corpo planetário.

Fontes

Mark L. Prophet e Elizabeth Clare Prophet, Os Mestres e os seus retiros, s.v. “Anjo da Ressurreição.”

  1. Mt 28:6.
  2. Anjo da Ressurreição, From the Tomb of Mater to the Open Door of the Spirit (Do Sepulcro da Matéria para a Porta Aberta do Espírito), 8 de abril de 1977.