Deus Tabor

From TSL Encyclopedia
Jump to navigation Jump to search
This page is a translated version of the page God Tabor and the translation is 100% complete.
Other languages:
English • ‎español • ‎português • ‎русский
Pinheiros em Jenny Lake, Teton Range, Wyoming

O mestre ascenso Deus Tabor, o Deus das Montanhas, governa as cadeias de montanhas da América do Norte e da América Central. Ele tem cerca de 2,50m de altura e a sua fragrância é a essência de pinho. Tabor trabalha em estreita colaboração com o Deus do Ouro.

Encontro com Deus Tabor

No livro Ascended Master Discourses, a Mestra Ascensa Pérola relata um encontro que teve com o Deus Tabor quando estava encarnada. Ela foi à Montanha da Mesa (Table Mountain) com Rex, Nada e Godfre, onde, segundo diz:

Senti-me impelida a afastar-me um pouco para ficar sozinha, quando diante de mim surgiu um grande e majestoso ser, o Deus Tabor.

Enquanto falava comigo percebi, num lampejo intenso de entendimento, que todos estávamos a ser dirigidos por uma inteligência poderosa, envolvida em uma deslumbrante forma de luz. Seres preciosos, desejo dizer-vos que Cyclopea, Arcturus e o Deus Meru, o Deus Tabor e o Deus Himalaia são seres que, quando vistos pela primeira vez, parecem aterradores na sua majestade e beleza, na intensidade de luz e da perfeição que são. No entanto, mesmo com todo esse enorme e extraordinário poder, eles são gentis como é uma mãe com o filho que ama mais do que a qualquer outra pessoa no mundo. Quando necessitam realizar um determinado serviço, o seu poder ilimitado pode ser liberado como o lampejar de um relâmpago.[1]

Vida elemental

O Deus Tabor está muito preocupado com o peso que recai sobre a vida elemental. Ele diz:

Pedi a Hélios e Vesta que se manifestem. Invocai o meu manto, o manto do Deus Tabor. Sabei e compreendei, amados, que curar os elementais e levá-los ao ponto em que compreenderão que, um dia, poderão receber o cálice da chama trina é, na verdade, o maior presente que podeis dar-lhes.

Amados, estais todos muito ocupados; os Senhores do Carma estão ocupados, os hierarcas estão ocupados; todos têm muito que fazer, mas precisais parar e dizer: “Não podemos negligenciar a vida elemental; precisamos servi-la e conduzi-la ao ponto em que, uma vez mais, os elementais acreditarão em si mesmos e pedirão a sua chama trina”.

Se os elementais sentissem que podem conquistar uma chama trina, trabalhariam diligentemente convosco. Mas, em certos casos, perderam de novo toda a esperança de que isso aconteça. Como sabeis, os elementais passam da tela da vida para nunca mais voltar, pois não têm chama trina.

Às vezes é agradável visitar florestas e as montanhas do mundo inteiro para apreciar o cenário. Quando o fizerdes, lembrai-vos sempre dos quatro reinos de seres elementais e considerai o que podeis e deveis fazer com eles e por eles.[2]

Os “seres da solidão”

Em 1964, Tabor disse:

Esta noite, venho até vós para falar principalmente sobre “os seres da solidão” que são as almas que, em vários momentos das suas vidas, se retiraram para lugares tranquilos para comungar com o poder que emana da fonte eterna. O mundo é enriquecido por números incontáveis dessas almas abençoadas.

Por isso, preciosos seres da luz, os que estão comigo, os Deuses das Montanhas, desejam ampliar na vossa consciência um novo sentido para a expressão “seres da solidão”. “Saí do meio deles, apartai-vos”, diz o SENHOR vosso Deus. Enquanto fordes do mundo, não podereis pertencer ao reino imortal. No final, todos devereis Avançar, um a um, e integrar as fileiras de Deus. Agora, tal como os seres da solidão nas vossas diferentes comunidades, sem pretender que os homens vos considerem sábios, mas buscando a cidade eterna de Deus, como fez Agostinho, o santo do passado, buscareis o vosso destino divino.[3]

Retiros

Artígo principal: Retiro de Tabor nas Montanhas Rochosas

Tabor tem um retiro nas Montanhas Rochosas da América do Norte.

Tabor é tambem o hierarca de um novo retiro, aberto em 14 de abril de 1968, que fica em frente à cadeia das Montanhas Rochosas, sobre Colorado Springs, Colorado, EUA. Esse foco da vontade de Deus forma um arco de chama azul com o Templo da Boa-Vontade, em Darjeeling, na Índia. Do seu retiro, Tabor irradia a proteção do primeiro raio através de todas as cadeias de montanhas da América do Norte e da América Central.

Antes de vir para as Américas, Tabor foi hierarca do retiro no Monte Tabor na Terra Santa.

Ver também

Deus do Ouro

Fontes

Mark L. Prophet e Elizabeth Clare Prophet, Os Mestres e os seus retiros, s.v. “Deus Tabor.”

Mark L. Prophet, 11 de outubro de 1970.

  1. “Our Precious Pearl’s Discourse,” 6 de abril de 1937, em Ascended Master Discourses, Chicago: Saint Germain Press, 1937, p. 321.
  2. Deus Tabor e Mãe Maria, Ajudai os Elementais a Ganhar a Chama Trina, Pérolas de Sabedoria, vol. 41, n° 46, 15 de novembro de 1998.
  3. Deus Tabor, 27 de março de 1964.