Changes

Jump to navigation Jump to search
no edit summary
Line 138: Line 138:  
O Conde era alquimista, erudito, linguista, poeta, músico, artista, contador de histórias e diplomata, admirado pela sua perícia em todas as cortes da Europa. Ficou conhecido por feitos como remover os defeitos de diamantes e de outras pedras preciosas, ou escrever uma carta com uma das mãos e, ao mesmo tempo escrever uma poesia com a outra. Voltaire descreveu-o como “um homem que nunca morre e tudo conhece”.<ref>Voltaire, ''Oeuvres'', Lettre cxviii, ed. Beuchot, lviii, p. 360, citado em Isabel Cooper Oakley, ''O Conde de Saint Germain'', Editora Pensamento, 1995, p. 77.</ref> O Conde também é mencionado em cartas de Frederico, o Grande, Voltaire, Horace Walpole, Casanova e nos jornais da época.
 
O Conde era alquimista, erudito, linguista, poeta, músico, artista, contador de histórias e diplomata, admirado pela sua perícia em todas as cortes da Europa. Ficou conhecido por feitos como remover os defeitos de diamantes e de outras pedras preciosas, ou escrever uma carta com uma das mãos e, ao mesmo tempo escrever uma poesia com a outra. Voltaire descreveu-o como “um homem que nunca morre e tudo conhece”.<ref>Voltaire, ''Oeuvres'', Lettre cxviii, ed. Beuchot, lviii, p. 360, citado em Isabel Cooper Oakley, ''O Conde de Saint Germain'', Editora Pensamento, 1995, p. 77.</ref> O Conde também é mencionado em cartas de Frederico, o Grande, Voltaire, Horace Walpole, Casanova e nos jornais da época.
   −
Trabalhando nos bastidores, Saint Germain tentou promover uma
+
Trabalhando nos bastidores, Saint Germain tentou promover uma transição tranquila da monarquia para um governo representativo, e evitar o derramamento de sangue que se deu na [[Special:MyLanguage/French Revolution|Revolução Francesa]]. Mas o seu conselho foi ignorado. Numa última tentativa de unir a Europa, apoiou [[Special:MyLanguage/Napoleon|Napoleão]], que abusou do poder do mestre, usando-o em proveito próprio.
transição tranquila da monarquia para um governo representativo, e
  −
evitar o derramamento de sangue que se deu na [[Special:MyLanguage/French Revolution|Revolução Francesa]]. Mas o seu conselho foi ignorado. Numa última tentativa de unir a Europa,
  −
apoiou [[Special:MyLanguage/Napoleon|Napoleão]], que abusou do poder do mestre, usando-o em proveito próprio.
      
Mas mesmo antes disso, Saint Germain já voltara a sua atenção para
 
Mas mesmo antes disso, Saint Germain já voltara a sua atenção para

Navigation menu